Jun 19, 2024

Petroleiros gaúchos mobilizados em defesa da vida

Os petroleiros da Refap atrasaram a entrada do expediente na manhã dessa sexta-feira, 09, em repúdio e indignação pela falta de segurança na Empresa. O Sindipetro-RS discutiu, juntamente com a categoria, os problemas de segurança, pois só este ano ocorreram 12 mortes em todo o Sistema Petrobrás; questões relacionadas ao Acordo Coletivo de Parada de Manutenção, que está em elaboração e discussão na refinaria; sobre o acidente fatal que ocorreu na remoção da P-55 em Rio Grande e o final do convênio INSS/Petrobrás/Petros. As mobilizações aconteceram em todo o país.

Ainda nesta sexta-feira, às 15h, a direção da FUP e seus sindicatos estarão reunidos com o diretor Corporativo e de Serviços da Petrobrás, José Eduardo Dutra, para cobrar da empresa respeito à vida e um posicionamento sobre o SMS.

Facebook