Jul 05, 2022

Moção de Solidariedade e Apoio à greve dos trabalhadores da PMF e COMCAP

 

O Sindipetro-RS emitiu nessa terça-feira, 15, uma moção de solidariedade e apoio à greve dos trabalhadores da Prefeitura Municipal de Florianópolis, iniciada no último dia 9. O movimento paredista  é pela manutenção do acordo coletivo, em defesa do concurso público e o chamamento dos aprovados, fim das terceirizações, cumprimento da lei do piso do magistério, pagamento da lei do plano de carreira do quadro civil, fim da política de assédio moral e perseguição política. A paralisação abrange cerca de 20% dos profissionais da Saúde, Educação, Assistência Social e 100% das equipes de coleta de lixo da Comcap (Autarquia de Melhoramentos da Capital).

Confira na íntegra a Moção de Solidariedade.

 

MOÇÃO DE SOLIDARIEDADE E APOIO À GREVE DOS TRABALHADORES DA PMF E COMCAP

Ao Senhor Prefeito Gean Loureiro,

Ao Senhor Presidente da CMF

Ao Senhores Secretários,

A Excelentíssima Senhora Desembargadora,


O Sindicato dos Petroleiros do Rio Grande do Sul, vem expressar todo apoio à greve dos trabalhadores da Prefeitura de Florianópolis impulsionada pelo SINTRASEM, que iniciou em 09 de fevereiro de 2022, pelo cumprimento e manutenção do acordo coletivo na Comcap e PMF, em defesa do concurso público e chamamento dos aprovados no concurso público, fim das terceirizações, cumprimento da lei do piso do magistério, pagamento da lei do plano de carreira do quadro civil, fim da política de assédio moral e perseguição política.

O governo Gean não recebeu em nenhum momento a entidade sindical durante a greve e de maneira autoritária e com prática antissindical, ameaça os grevistas, inclusive com pedido de demissão e prisão da direção do sindicato.

Exigimos que se respeite o direito de greve e livre organização sindical, com abertura imediata de mesa de negociação, para que a pauta de reivindicações possa ser discutida e uma proposta que atenda a categoria seja apresentada.

Miriam Cabreira 
Presidenta do Sindipetro-RS

Facebook